A vida é um piano

oi você 😀
hoje é um dia feliz, porquê o meu último post (Resenha: As 5 linguagens do amor) foi retweetado pelo Gary Chapman (perfil brasileiro). Ounn gente, achei o máximooe fiquei super feliz!!!! T_T

UHUUUUUUUUUUUUUULLLL #surtada kkkkk

12208845_733581430106942_4115821260190353743_n

Mas então vamos à citação de hoje 😀

A vida é um piano. Teclas brancas representam a felicidade e as pretas a angústia. Com o passar do tempo você percebe que as teclas pretas também fazem música.

(Last Song)

Citação do filme Last Song (A última música) – que é um filme muito fofinho inclusive. –
Essa citação é ótima porquê nos faz refletir que tanto acontecimentos felizes como acontecimentos tristes cooperam e ajudam na nossa caminhada da vida. Tudo que acontece conosco tanto de bom como as tragédias servem como bagagem pra que um dia lá na frente você consiga suportar algo ou até mesmo compartilhar sua experiência com outros que estarão vivendo o mesmo que você viveu.

Acredito que o segredo é saber transformar os acontecimentos da vida em música e passar a dançar conforme ela, despreocupados com o amanhã. Tendo a certeza de que tudo ficará bem não importando se as teclas estão brancas ou pretas no momento. 🙂

Tenha uma boa vida, com teclas na maioria brancas eu espero! 🙂 hahaha

Curta nossa página do facebook: Toda Fragilidade Incide’

e me siga nas redes sociais, todas listadas ali do lado —>
(snapchat: karenannyy)

beijos brancos :* até .

tumblr_lunq2uGL931qcrza7o1_500_large

Resenha: “As 5 linguagens do amor”

OLÁÁÁÁÁ
OIII
HEEY
HELLOO, tudo bem com vocês? estava com saudadees 😀
e como prometido vamos voltar com os posts \o/ (ÊÊÊÊÊÊÊH)

Hoje vamos falar de leitura? 🙂
Vou fazer uma pequena resenha por tópicos pra vocês de um livro interessantíssimo que tive o prazer de ler há um tempo atrás, porém o assunto nunca fica ultrapassado, porquê é sobre amor *-*. É um best-seller (OOOOHH) e recomendo muito. Tem uma leitura bastante agradável e que pode ser praticada todos os dias o aprendizado dele com pessoas que você ama. Marido, namorado, mãe, pai, irmão, tios todos e passar a ter relacionamentos de qualidade e saudáveis. Então vamos lá!?

Título: As 5 linguagens do amor
Título original: The 5 love languages: The secret to love that lasts.
Autor: Gary Chapman
Editora: Mundo Cristão (3º edição – 2013)

Introdução:
A primeira coisa que Gary nos ensina sobre o amor em seu livro é que cada ser humano possui um “tanque de amor”, que basicamente consiste em saber se as necessidade emocionais da pessoa estão ou não sendo supridas. Um gesto de carinho, um elogio, um presente, uma tarefa que você realiza por alguém ou até mesmo apenas passando um tempo conversando com a pessoa são maneiras de preencher o “tanque de amor” de alguém. Este, quando preenchido, faz com que a pessoa se sinta amada e segura, porém, quando vazio faz com que a pessoa se sinta usada ao invés de amada e aqui neste ponto que surgem os conflitos nos relacionamentos. Vamos entender porque?
De acordo com Gary cada pessoa possui uma ou mais linguagens para expressar e receber amor, ou seja, as pessoas possuem uma linguagem primária (que é a mais evidente) e outras linguagens de forma secundária. A sua linguagem pode não ser a do seu cônjuge ou mãe, pai, namorado etc. E aí começam os conflitos, vamos aprender as linguagens então! 😀

1 – Palavras de afirmação:

Uma maneira de expressar amor emocional é usar palavras que edificam. Elogios verbais, ou palavras de apreciação são ótimos para comunicar alguém que você o ama. A linguagem de amor “Palavras de afirmação” se ramifica em:
– Palavras encorajadoras: Que significa inspirar coragem em alguém. Algo do tipo: “Querida, você pode escrever sim. Você é capaz!”
– Elogios: Que podem ser expressos com declarações simples e diretas de afirmação. Como: “Você fica muito bem nesse terno!”
– Palavras gentis: Tem a ver com a maneira de falar, o tom de voz. Já que uma frase pode ter dois significados diferentes, dependendo de como é dita. Exemplo: “Adoraria te ajudar a arrumar a casa hoje!”, se dito com ironia não é bem recebido, óbvio. Porém, se dito com gentileza e honestidade é uma forma de comunicar amor a alguém.
Esses são apenas alguns dos vários dialetos que a linguagem “Palavras de afirmação” possui.

2 – Tempo de qualidade:

Esta linguagem se refere a dar atenção TOTAL, completa a alguém. Quando você se senta no sofá com seu namorado por exemplo, e cada um começa a mexer em seus smartphones, ou mesmo só para assistir TV mesmo que estejam juntos não é considerado tempo de qualidade. Pois, sua atenção não está volta por completo a pessoa que está ao seu lado.
Aqui vão algumas ideias de como você pode passar tempo de qualidade com alguém:
*Acampar
*Brincar com seus filhos
*Lanchar em algum lugar de sua preferência
*Caminhar
*Fazer piquenique
E lembrando que a atenção deve estar voltada totalmente a outra pessoa. Portanto, esqueça seu celular, tablet ou qualquer outra distração nesses momentos.

3 -Presentes:

Um presente é algo físico, que pode-se segurar e dizer: “Oun, ele(a) estava pensando em mim”. Porque o presente é um símbolo desse pensamento, um símbolo visual do amor. Não tem a ver com dinheiro, com ser caro ou barato, e sim se você pensou ou não na pessoa.
Exemplos desta linguagem são:
* Flores cortadas do jardim
* Um souvenir de uma viagem feita por você
* Uma balinha que você guardou o dia inteiro pra pessoa
* Ou qualquer outra coisa que te lembre ele(a)
Coisas simples, mas que vão fazer a pessoa que possui essa linguagem se sentir muito amada e lembrada.

4 – Atos de serviço:

São ações que sabemos que a pessoa que amamos iria gostar que fizéssemos. É expressar amor POR ela fazendo coisas PARA ela. Agradando a pessoa com serviços. Como limpar o apartamento, fazer um jantar, passar o aspirador no carro, lavar a louça ou cortar a grama.
Se a pessoa que você se relaciona reclama que você “nunca faz nada por ela”, talvez esta seja sua linguagem de amor. Que tal tentar alguma dos exemplos acima? 🙂

5 – Toque físico:

E por fim, a ultima linguagem do amor, que é um dos veículos para comunicar amor mais comum que existe. Andar de mãos dadas, beijar, abraçar, ter relações sexuais são formas de expressas essa linguagem. Assim, a pessoa possuidora dessa linguagem se sente amada e segura quando tocada com carinho e amor.

Conclusão:
Amar é uma escolha, uma decisão. Decida amar seu cônjuge, sua família, amigos todos ao seu redor. Observe o comportamento e queixas deles, assim você poderá descobrir suas respectivas linguagens do amor e praticá-las com eles. Tenho certeza que eles se sentirão amados e seus relacionamentos irão melhorar 100%.
A minha linguagem do amor primária é: palavras de afirmação 😀 hehe. Amo ser elogiada encorajada e quando acontece o contrário fico super frustrada kkk por isso vamos amar e encher o “tanque de amor” uns dos outros.
E você já descobriu a sua linguagem do amor ou de seus próximos? Me fala nos comentários, vou adorar saber!

1353961678_1

Bom, essa foi a resenha de hoje. Me sigam nas redes sociais pra ficar por dentro de mais atualizações.
Instagram
Twitter
Facebook

Snapchat: karenannyy

e também fiz uma página no facebook para o blog chamada: “Toda fragilidade incide'”. curte lá:
https://www.facebook.com/todafi

Tenham uma boa semana, até mais
beijos de amor 🙂 ❤

Sorry ://

Um zilhão de desculpas pelo sumiço repentino e por simplesmente parar de postar e abandonar o blog. Rs
Estive estudando pra concurso e quis focar apenas nisso. Mas volto com blog e posts novos se não hoje , amanhã no mais tardar.
Estava sentindo muita faltaaa 💔 💔.
Mas obrigada pela compreensão!

Me siga nas redes sociais pra ficar por dentro de todas as atualizações. .
Instagram: @karenannyy
Snapchat: karenannyy
Twitter: karenannyyy
Facebook.com/karenannyy

#beijosdeluz 😘 💜

image